Perguntas frequentes

Qual é a autonomia esperada no equipamento GNV? 

A autonomia podevariar conforme o modelo de veículo, equipamento instalado e forma de dirigir, porém como regra geral quando igualamos km/l com km/m³ adotamos um rendimento superior em 20% comparado à gasolina. Por exemplo, um veículo que faz 10 km/l na gasolina irá rodar 12km/m³ no GNV. Verifique seu ganho utilizando nosso simulador de economia.

Existe algum incentivo fiscal para a utilização do GNV? 

Sim. Em alguns estados há desconto no IPVA quando o veículo está com a documentação modificada com a inclusão do GNV.

O sistema GNV atende os níveis de emissão de poluentes?

Sim. Desde que o veículo em seu estado original esteja atendendo esses níveis. Nos veículos mais modernos equipados com o sistema OBD é sugerida a utilização dos equipamentos 5ª geração. Via de regra veículos a GNV emitem 40% menos CO2 que gasolina e etanol.

O cilindro fica quente após o abastecimento, isso é comum?

Sim. Ao abastecer a pressão a pressão aumenta e faz a temperatura aumentar. É uma propriedade física que depende da volume e da pressão.

A superfície do cilindro está umedecida, há algum problema?

Não. Isso ocorre devido à troca de calor entre o cilindro e o meio ambiente, normalmente quando o cilindro é despressurizado.

Ao mudar para o GNV, o veículo emite um pequeno estalo, isso é comum? 

Sim. Esse estalo vem do acionamento da eletro válvula do redutor.

Posso aproveitar meu Kit GNV em outro veículo?

Sim. Porém essa análise deve ser feita por um instalador homologado, pois para cada modelo de veículo existe aquele equipamento que melhor se adapta.

O veículo falha durante as acelerações, o que eu faço?

Comutar a chave para o combustível original e rode alguns quilômetros com ele. Caso o problema persista, este defeito não é relacionado ao sistema de gás e o  veículo deve ser levado a uma oficina homologada pelo Inmetro.

O veículo demora a dar partida após um período de descanso mais longo (Flexfuel), o que posso fazer para evitar?

Mantenha sempre um mesmo tipo de combustível no tanque (etanol ou gasolina), pois o módulo original do veículo memoriza qual o combustível está sendo utilizado e mantém estratégias especificas para tal combustível.

Que ações eu posso tomar para manter o bom funcionamento de meu veículo GNV?

Consulte as recomendações do técnico instalador e material de bordo. Verificar periodicamente as condições das velas, dos cabos de velas e filtro de ar.

Quais os cuidados básicos recomendados para um veículo a GNV

 Cabos de velas, velas, água do radiador, óleo do motor e nunca deixar o tanque de combustível ficar na reserva.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s